20 de set de 2017

178. A PRINCESINHA (1995)

Apesar de já existir uma versão filmada em 1935 de 'A Princesinha', este filme de 1995 não é um remake, mas sim uma outra adaptação do mesmo livro. Este é apenas o segundo longa de Alfonso Cuarón, que mais tarde iria dirigir 'Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban' e ganhar o Oscar por 'Gravidade'. A Warner Bros. Family Entertainment - uma divisão com projetos mais familiares da Warner - estava há apenas 2 anos no mercado e muitos acreditam que ela foi criada para pegar carona na retomada do sucesso do cinema infantil no início dos anos 90. 'A Princesinha' grita Disney! Toda sua estrutura narrativa se assemelha muito com diversos desenhos da Disney, e isso é um grande elogio. Cuarón conseguiu reunir um excelente elenco de garotas extremamente talentosas expressivas. A carreira de Liesel Matthews foi curta e antes deste filme ela nunca tinha feito algo do tipo. Apesar disso, sua atuação é charmosa e cativante, muitas vezes transbordando maturidade. Outro grande destaque é a fotografia de Emmanuel Lubezki, hoje detentor de 3 Oscars de Melhor Fotografia, aqui foi onde ele teve sua primeira indicação. O visual brinca com os tons de verde ao criar uma fotografia em grande parte bastante aconchegante. O roteiro se utiliza de diversas coincidências que também estão no livro original, mas pode causar estranhamento para aqueles mais chatos. Ao meu ver, a direção magnífica de Alfonso Cuarón consegue manter um pé na realidade e outro na fantasia, mesmo que o filme não tenha nada de um universo fantástico. Isso faz com que certas coincidências soem mais como belas resoluções de um conto de fadas. 'A Princesinha' é ágil, divertido, engraçado e um deleite para os olhos. Um dos maiores clássicos do cinema infantil. (The Little Princess. Dirigido por Alfonso Cuarón. Com Eleanor Bron e Liesel Matthews. Drama. 97 min.) 

NOTA: 9

Nenhum comentário: