26 de abr de 2017

134. LOGAN (2017)

Demorou mas finalmente a Fox entregou um filme absurdamente bom do Wolverine. O triste é que eles só foram acertar no fim. Hugh Jackman já avisou que não volta mais (algo que duvido) e dificilmente 'Logan' terá uma sequência. O filme tem ação, tem aventura, mas eu colocaria ele facilmente na categoria de Drama. Este último filme do Wolverine é totalmente focado nos personagens e em como eles se relacionam. Um filme desses obrigatoriamente pede cenas de ação, mas elas não estão ali para cumprir cota, mas sim como consequências dos atos dos personagens. Logan nunca foi tão bem escrito e tão bem atuado. Seria bastante justo ver Hugh Jackman figurar nas premiações de fim de ano. Patrick Stewart nos apresenta uma visão totalmente diferente do Professor Xavier e explora ele de uma maneira fenomenal, deixando ele ainda mais carismático. O vilão não chega a prejudicar o filme, mas também não agrega em nada. E então chegamos á Dafne Keen como Laura, ou X-23. O universo X-Men da Fox é cheio de personagens muito interessantes e a X-23 talvez seja a mais interessante agora. Ela possui um passado bastante nebuloso e um futuro bastante incerto, e isso dá uma enorme liberdade para o estúdio explorar ela. Fisicamente, seus poderes lembram muito os do Wolverine, e fica claro que ela está ali para fechar o buraco que o personagem vai deixar no universo da Fox. Enquanto lá na Marvel Studios todo futuro já está estabelecido e jogado na mídia, aqui tudo ainda é uma surpresa. Ninguém sabe ao certo para onde o Universo X-Men vai, nem como eles vão inserir a X-23 no contexto deles. O que importa é que eles continuem fazendo bons filmes como 'Logan', tratando os filmes como verdadeiros estudos de personagens. Tomara que a lição tenha sido aprendida. (Logan. Dirigido por James Mangold. Com Hugh Jackman, Patrick Stewars e Dafne Keen. Drama / Ação. 137 min.)

NOTA: 9

Nenhum comentário: