25 de jun de 2015

65. DIVERTIDA MENTE (2015)

O último filme da Pixar que realmente mexeu comigo foi 'Toy Story 3', lançado em 2010. Logo após veio 'Carros 2', um filme tão horroroso que merecia ser deletado da filmografia da Pixar. Depois tivemos 'Valente' e 'Universidade Monstros', dois filmes visualmente incríveis, mas narrativamente rasos. 'Divertida Mente' é o tipo de projeto que gerou diversas dúvidas desde seu anúncio. Felizmente o filme não é apenas o retorno da Pixar à boa forma, mas sim um dos melhores filmes que a empresa já produziu. O roteiro possui uma sacada intelectualmente fantástica, e que poderia ter sido visualmente desastrosa. Mas o modo com tudo é explicado, como aquele universo é criado e desenvolvido é algo realmente emocionante. Por diversas vezes me peguei emocionado não só pelo conteúdo narrativo, mas pelo como essa narrativa estava sendo transposta para a tela. O visual do filme é absurdamente fantástico e eu realmente gostaria de ver a direção de arte indicada ao Oscar de 2016. Além disso, os personagens são extremamente carismáticos e todos tem um conceito bastante claro e desenvolvimentos interessantes. Michael Giacchino volta pela 5ª vez e cria - mais uma vez - uma trilha sonora marcante e cheia de temas memoráveis. Eu poderia ficar horas aqui escrevendo sobre como o filme superou todas as minhas expectativas. O roteiro do filme é um dos trabalhos mais originais que já vi e seu senso de humor é delicioso. Talvez o filme agrade muito mais aos adultos do que as crianças, já que os pequenos não possuem a bagagem necessária pra captar todas as nuances que 'Divertida Mente' explora. Certamente o projeto mais maduro da Pixar. Um filme essencial! (Inside Out. Dirigido por Pete Docter. Com Amy Poehler. Aventura. 94 min.)

NOTA: 10